Decoração de Casas Decoração Espaços Pequenos

Como mobilar espaços pequenos

A decoração de espaços pequenos é um dos temas mais populares no mundo da decoração de interiores actualmente. Apartamentos e casas pequenas oferecem muitos desafios e limitações no que toca ao planeamento da sua decoração, pelo que é necessário desenvolver diversas estratégias eficazes para saber tirar o melhor proveito destes espaços.

Uma das etapas mais complicadas de toda a decoração é encontrar formas de mobilar estes espaços com elementos que o tornem confortável, mas que permitam a livre circulação de pessoas e não os tornem demasiado atulhados.

Se a sua casa é pequena ou possui uma divisão de tamanho menor, então confira as nossas próxima dicas de como mobilar estes espaços.

 

 

Onde e como colocar os móveis essenciais para uma vida ou estadia confortável é uma daquelas questões que passa frequentemente pela cabeça de inúmeros proprietários de imóveis pequenos. O segredo muitas vezes passa também por pensar além do óbvio e criar estratégias de arrumação menos vulgares.

Em apartamentos pequenos, por exemplo, todo o espaço disponível deve ser aproveitado da melhor forma. Nos locais do seu apartamento em que não é possível recorrer aos tradicionais sistemas de arrumação, como um móvel que assenta no chão, opte por prateleiras e armários que possam ser colocados directamente na parede e que não dificultem a passagem.

 

 

Em primeiro lugar é fundamental que avalie bem todo o espaço disponível. Lembre-se que vai ter de contar com elementos que possam colocar algumas limitações, como portas e janelas, e que a disposição do mobiliário tem de permitir a passagem de pessoas. Avalie as dimensões da divisão, assim como os caminhos de passagem. Faça experiências com diversos posicionamentos diferentes para os móveis, até encontrar a disposição mais adequada e que funcione com o espaço disponível e fluxo de tráfego. Ou seja, evite impedir a passagem e acesso a outras divisões, janelas ou portas com uma disposição errada dos móveis.

 

 

Outro aspecto a ter em conta é o próprio tamanho da mobília. É fundamental que consiga medir bem o espaço disponível na divisão, de forma a adquirir o mobiliário mais adequado e de tamanho proporcional. Não descure também a importância dos recantos e das paredes. Qualquer recanto da sua casa pode permitir organizar uma agradável zona de trabalho e deve também aproveitar toda a altura das paredes com sistemas eficientes de arrumação, como prateleiras ou armários que se fixam diretamente à parede e não no chão.

 

 

Sempre que possível opte por mobiliário versátil e multi-funcional. Se acha que o espaço é demasiado pequeno para conseguir conter no seu interior diversas peças, então procure por opções que sirvam vários propósitos e funções. É o caso, por exemplo de uma mesa de refeições que pode ser utilizada como base de trabalho, um sofá-cama que estende de noite ou bancos com sistemas de arrumação interior.

 

 



11 Comentários

  1. Maria Isabel Monteiro Horta 18 de Julho de 2012
  2. Milly Barreiros 18 de Julho de 2012
  3. Vania Sampaio 19 de Julho de 2012
  4. Monta E Desmonta Moveis 5 de Outubro de 2012
  5. Monta E Desmonta Moveis 5 de Outubro de 2012
  6. Milly Barreiros 5 de Novembro de 2012
  7. alzira raymundo 13 de Abril de 2013
  8. sandra 23 de Julho de 2013
  9. Caio Puiani 1 de Janeiro de 2015
  10. Milly Barreiros 28 de Novembro de 2015
  11. Maria Aparecida Rosa Borges 1 de Dezembro de 2015

Deixe o seu comentário

Nome : Email :