Decoração com plantas Decoração de Casas

Decoração com plantas: amor-perfeito

O amor-perfeito é uma planta de extrema beleza e que pode ser utilizada para a decoração de apartamentos.

As suas delicadas flores de diversas cores podem facilmente conferir maior colorido a qualquer divisão, mas alguns cuidados são necessários para as manter sempre bonitas e floridas.

Por isso, seguem-se algumas informações acerca da origem e caraterísticas do amor-perfeito, assim como algumas dicas e cuidados essenciais para o manter sempre saudável.

Origem e caraterísticas


O amor-perfeito, de nome científico Viola tricolor, pertence como o nome indica à família das Violas, que conta já com mais de 500 espécies diferentes conhecidas. Teve a sua origem na Ásia Central e Europa, mas o amor-perfeito que hoje em dia é tão popular é fruto do resultado de diversas misturas, levadas a cabo com o objetivo de conseguir flores mais bonitas.

O amor-perfeito é uma planta de ciclo anual, que pode atingir entre 20 a 25 cm de altura. Apresenta um caule curto e ramificado, com folhas lisas, cerosas e dentadas. As plantas novas não produzem flores no primeiro ano, apenas folhagem, mas no segundo já começam a aparecer as primeiras flores.

Cuidados essenciais

Como sucede com outro tipo de plantas, também o amor-perfeito necessita de alguns cuidados essenciais para se manter sempre florido e nas melhores condições. Destacamos os seguintes como mais importantes:

  • Luz – O amor-perfeito é uma planta que aprecia bastante luminosidade, pelo que deve ser colocado em locais da casa com elevada incidência de luz solar. O ideal é mesmo que o coloque em terraços, varandas ou jardins. É resistente ao frio e até às geadas. Pode colocá-lo em semi-sombra, embora um lugar com muito sol seja o mais indicado.
  • Temperatura – É uma planta bastante resistente e que suporta temperaturas mais baixas e, inclusive, geadas. Pode permanecer no exterior durante todo o ano.
  • Regas – No período da floração é importante manter a terra sempre húmida, mas não encharcada, pois isso podia levar ao apodrecimento das raízes e consequentemente a morte prematura da planta. Aconselhamos que regue a planta a cada 2 ou 3 dias, verificando sempre o estado da terra previamente.
  • Solo – O amor-perfeito é uma planta que necessita de um solo enriquecido com húmus e uma boa drenagem. Este tipo de solo vai permitir-lhe crescer de forma saudável, mantendo-se sempre florido.
  • Adubação – A adubação é muito importante, especialmente nos dois meses seguintes à plantação. Neste período adicione um pouco de adubo à água da rega do seu amor-perfeito. Deve ainda adubar a planta uma vez por ano com farinha de osso, farinha de peixe ou torta de algodão e também usar fosforita, superfosfato, termofosfato ou NPK rico em P.


4 Comentários

  1. Rosemere Silvares 6 de Julho de 2012
  2. Alice Cerdeira da Silva 6 de Maio de 2013
  3. Margarida Cardoso 29 de Outubro de 2013
  4. Aciolinda Pinto 29 de Outubro de 2013

Deixe o seu comentário

Nome : Email :