Decoração de Casas Decoração Espaços Pequenos

Decoração de espaços amplos e de espaços reduzidos

Independentemente das dimensões de um apartamento, este deve ser sempre acolhedor, confortável e bem decorado para que quem o habita ou o visita se sinta bem.

Embora se sinta feliz na sua casa é frequente que, por vezes, sinta a necessidade de mudar e renovar a decoração de acordo com os seus gostos em constante mudança ou novas necessidades pessoais ou familiares.

O espaço é algo de muito valioso, especialmente no meio urbano, em que nem sempre podemos ter o apartamento das dimensões que gostaríamos. Por isso, é absolutamente fundamental saber aproveitar da melhor forma o espaço a que chamamos de lar, mesmo que este seja pequeno, demasiado amplo ou propriedade de outrem.

Seguem-se algumas dicas para a decoração de espaços amplos ou espaços reduzidos.

 

 

Espaços amplos


Um espaço amplo permite-lhe uma enorme variedade de opções para a decoração, mas desengane-se se julga que não existem limitações como acontece com a decoração de espaços mais pequenos. É necessário ter bastante atenção às nossas escolhas e estilo de decoração, de forma a evitar a todo o custo que as divisões pareçam demasiado vazias, sendo também fundamental escolher materiais e os pormenores de design que unam todos os elementos presentes na decoração, para que esta não pareça desfragmentada.

 

 

O que sugerimos é que crie áreas distintas para cada função, locais para descanso, refeição, entretenimento e de áreas comuns. Considere também o valor particular de pontos focais. Por exemplo, objetos decorativos com especial valor sentimental para si, quando expostos em determinado espaço revelam muito da sua personalidade aos seus convidados, conferindo um cunho muito pessoal à decoração.  Um quadro ou moldura original numa parede ou até uma planta imponente num dos cantos da divisão irão tornar-se no foco de atenção de todo o espaço e ajudar a definir o estilo da decoração.

Espaços reduzidos

Ao contrário dos espaços amplos, a decoração dos espaços mais pequenos necessitam de ter como característica principal a flexibilidade. Tenha sempre em mente as limitações destas áreas durante a decoração e planeie cuidadosamente cada etapa, de forma a reduzir as hipóteses de errar, o que significa também menos despesas e menor necessidade de remodelações posteriores devido a resultados pouco conseguidos.

 

 

Em apartamentos pequenos todo o espaço disponível deve ser aproveitado da melhor forma. Nos locais do seu apartamento em que não é possível recorrer aos tradicionais sistemas de arrumação, como um móvel que assenta no chão, opte por prateleiras e armários que possam ser colocados directamente na parede e que não dificultem a passagem.

Dê preferência à utilização de mobiliário funcional que possa servir diversas funções, mas que ainda assim seja único e duradouro. Os limites físicos não têm de limitar o conforto das divisões pequenas se os planear e organizar com cuidado.

 

 

Estas são apenas algumas dicas de como pode elaborar a decoração deste tipo de espaços. Lembre-se que independentemente da dimensão do seu apartamento, a decoração de cada espaço deve ter em conta as suas necessidades, mas também refletir um pouco da sua personalidade e gostos pessoais.

A sua imaginação é o limite no que toca à decoração deste seu refúgio sereno!



6 Comentários

  1. Jacqueline Deolindo 20 de Agosto de 2012
  2. Eugênia Grace 7 de Abril de 2013
  3. Aurilene Santos 6 de Setembro de 2013
  4. elenilza souza costa 30 de Julho de 2015

Deixe o seu comentário