Decoração com Tapetes Decoração com Tapetes e Carpetes

Mitos sobre tapetes e carpetes (cont.)

No seguimento do nosso último artigo acerca de mitos sobre tapetes e carpetes, hoje vamos continuar a debruçar-nos sobre o mesmo tema, desmitificando mais algumas ideias erradas que muitos de nós temos acerca destes práticos e belos acessórios decorativos.

Existem inúmeras razões para decorar o nosso apartamento com tapetes e carpetes. Do ponto de vista estético, são uma excelente forma de tornar o ambiente mais vivo e acolhedor, mas os seus benefícios não se ficam por aí. Os tapetes e carpetes são também essenciais para além da decoração de qualquer espaço, uma vez que embelezam a divisão, mas também vão proporcionar mais conforto e protecção contra elementos como som, poeiras ou reduzir o risco de quedas.

Contudo, muitas pessoas ainda têm algum receio de os utilizar na sua casa devido a mitos infundados ou simplesmente falta de informação. Neste artigo vamos mostrar-lhe mais alguns dos mitos e verdades que nos passam sempre pela cabeça.

 

 

Mito: Os tapetes e carpetes são apenas um complemento da decoração e nunca devem ser o elemento de destaque.

Nada poderia estar mais errado. É possível usar tapetes como o ponto de destaque de um ambiente e de forma bastante eficaz, desde que sejam tidos alguns cuidados de coordenação com a restante decoração. Escolha o tapete ou carpete que pretende colocar no espaço e só depois os móveis, acessórios e a própria cor das paredes. Para que seja o foco de destaque tudo o resto deve funcionar apenas como um complemento. Tapetes ou carpetes de tons mais vibrantes e padrões mais arrojados são a escolha perfeita para se destacarem na decoração de um espaço.

Mito: Os tapetes e carpetes só servem como acessório decorativo e têm pouca utilidade para além disso.

Novamente nada poderia estar mais longe da realidade. Na verdade, os tapetes e carpetes oferecem maior segurança e conforto ao espaço em que estão inseridos. Por exemplo, pode utilizar um tapete para proteger o chão de riscos e sujidades ou até mesmo para esconder um pavimento danificado que não pretende substituir. Diferentes tonalidades também produzem distintas sensações. Por exemplo, tapetes e carpetes de cores mais escuras tornam a divisão mais acolhedora e dão a sensação de maior conforto, enquanto tapetes de cores mais claras criam a ilusão de um espaço mais amplo e luminoso.

Mito: Tapetes e carpetes não combinam com animais de estimação.

É certo que, por vezes, nem sempre é fácil combinar a companhia dos nossos companheiros de quatro patas com tapetes limpos e impecáveis. Contudo, animais de estimação e estes preciosos acessórios decorativos não são totalmente incompatíveis. O fundamental é que escolha tapetes e carpetes bastante resistentes a nódoas e duráveis, capazes de suportar os abusos e arranhadelas de cães, gatos ou roedores. Escolha tapetes e carpetes feitos com fibras mais fortes, difíceis de rasgar e de pêlo mais curto. Tenha também em atenção a cor do pêlo do animal quando escolher o tapete mais indicado. Por exemplo, no caso de animais com pêlo claro, os tapetes e carpetes de cores mais escuras irão tornar estes pêlos ainda mais visíveis. O ideal é escolher cores médias ou então tapetes e carpetes multicolores ou com padrões, pois escondem mais facilmente os pêlos.



Deixe o seu comentário

Nome : Email :