Decoração com plantas Decoração de Casas

Plantas para decoração: hera

A hera, também conhecida por muitos como trepadeira, por se agarrar às diversas superfícies para crescer e se sustentar, é uma planta que poderá plantar no interior do seu apartamento. É geralmente utilizada para revestir paredes, muros ou árvores, mas também é popular como planta ornamental dentro de casas.

Embora muitas pessoas as vejam como verdadeiras pragas, a verdade é que estas lindas plantas não são de todo parasitas, uma vez que embora se possam apoiar em outras plantas ou troncos de árvores, elas não usam a seiva como alimento. No entanto é preciso tomar cuidado ao usar esta planta, pois o contato com a seiva pode provocar dermatite alérgica e provocar incómodo. Também os seus frutos e folhas não devem ser consumidos, visto que também são tóxicos para pessoas e alguns animais.

Origem e características


A hera é das poucas plantas que teve origem na Europa e que pode ser cultivada dentro de casa. Existem muitas variedades de hera, mas apenas duas, a Hedera helix (hera comum) e hera canariensis, são adequadas para crescer no interior. Esta planta pertence à família das Araliaceae e cresce um pouco por toda a Europa, criando cercas vivas verdadeiramente espetaculares.

As folhas destas plantas são de coloração verde escura e brilhante e as suas flores são hermafroditas e pequeninas, possuindo coloração amarelo-esverdeada. O período de floração ocorre entre setembro e outubro. Os frutos são globosos, pequenos, negros e servem de alimento a diversos pássaros embora sejam tóxicos, como já mencionámos anteriormente, ao homem.

Cuidados essenciais

Como acontece com outro tipo de plantas, também a hera necessita de alguns cuidados essenciais para se manter sempre bonita e vistosa. Destacamos os seguintes:

  • Luz – A hera é uma planta que não necessita de muita luz para crescer. Contudo, também não deve ficar em lugares demasiado escuros da casa. Coloque estas plantas, de preferência, em zonas da casa com alguma iluminação e que não seja direta, pois esta branqueia as suas folhas.
  • Temperatura – A temperatura ideal para as manter encontra-se entre os 12ºC e os 20ºC. É fundamental que esteja num ambiente com bastante humidade e sem correntes de ar.
  • Regas – A hera não suporta solos encharcados, por isso a rega deve ser efetuada com alguma prudência. Não há necessidade de muita água. Tente regar a cada dois dias no verão e no inverno uma vez por semana. É também importante que o solo tenha boa drenagem.
  • Adubação – Durante os primeiros 3-4 meses após o plantio da hera deve-se evitar qualquer tipo de adubação. Na primavera e no verão, pode-se adubar a planta a cada 15 dias, aproximadamente, com adubo líquido.


14 Comentários

  1. Mara Stoppa 22 de Março de 2012
  2. Mara Stoppa 22 de Março de 2012
  3. sandra madeira 22 de Março de 2012
  4. Cláudia Sanfelice 22 de Março de 2012
  5. Fabio Caruzo 23 de Março de 2012
  6. Janaína Machado 14 de Abril de 2012
  7. Janaína Machado 14 de Abril de 2012
  8. Janaína Machado 14 de Abril de 2012
  9. Márcia Ferreira Pinto 27 de Outubro de 2013
    • admin 28 de Outubro de 2013
  10. Maria Domingues de Carvalho 13 de Novembro de 2013
  11. Edvirgens Nascimento 20 de Maio de 2014
  12. Marilia Silva 10 de Agosto de 2014
  13. Maria Florisbela Coelho 30 de Março de 2017

Deixe o seu comentário

Nome : Email :