Decoração com Tapetes Tipos de Carpetes Tipos de Tapetes

Tapetes e carpetes de sisal

Os tapetes e carpetes de sisal são confecionados através de fibras naturais provenientes da planta Agave Sisalana, uma espécie de cacto proveniente de zonas semi-áridas. Os principais exportadores  mundiais de sisal são México, o Brasil e países provenientes da zona este de África. As fibras extraídas das folhas de sisal são utilizadas principalmente na confecção de tapetes e carpetes, misturadas geralmente com lã e acrílico para que se tornem mais macios.

Benefícios dos tapetes e carpetes de sisal


Os tapetes e carpetes de sisal têm diversos benefícios que mais nenhuma outra fibra sintética consegue igualar. As fibras de sisal são de fácil produção e crescimento rápido, acabando por se tornar numa fibra amiga do ambiente. Os tapetes e carpetes feitos de sisal são anti estáticos e uma excelente escolha quando pretendemos isolamento de som, uma vez que a sua estrutura absorve mais som que outro tipo de carpetes devido à sua densidade. Apresentam ainda uma grande resistência ao fogo e são confecionados em diferentes padrões e cores, sendo por isso fáceis de combinar com qualquer decoração.

Graças à sua resistência e fibras naturalmente fortes, os tapetes e carpetes de sisal não ficam tão marcados por móveis, nem apresentam tanto desgaste na sua superfície como outros tipos de tapetes e carpetes, sendo ideais para utilizar em zonas muito movimentas como corredores.

Desvantagens dos tapetes e carpetes de sisal

Como qualquer outra fibra, também os tapetes e carpetes deste tipo de material apresentam algumas desvantagens. A maior delas é o fato de não poderem ser expostos em locais com muita humidade, como banheiros e cozinhas, ou no exterior. Neste tipo de condições as suas fibras podem apodrecer ou romper-se facilmente. Outra desvantagem consiste no fato de não serem resistentes à àgua. Quando em contato com esta tendem a absorver o líquido nas suas fibras, como se de uma esponja se tratasse, acabando por serem susceptíveis à formação de bolor. Apesar da sua durabilidade e de ser agradável caminhar sobre este tipo de tapetes, não é a melhor opção para quartos de crianças, pois as suas fibras ásperas tornam-se desconfortáveis quando sentados ou de joelhos.

Manutenção e limpeza

Os tapetes e carpetes de sisal têm uma grande durabilidade e resistência a sujidades. São naturalmente resistentes a nódoas e não necessitam de muitos cuidados para manterem o aspecto e beleza originais. Este pormenor é especialmente importante para quem tem filhos e animais domésticos, ao não ser necessário utilizar qualquer tipo de produtos de limpeza tóxicos na sua manutenção.

Uma aspiração regular é tudo o que necessita para os manter limpos e livres de sujidades e poeiras. Tapetes de dimensões mais reduzidas podem ser sacudidos frequentemente para eliminar partículas de terra e pó que se tenham entranhado nas suas fibras naturais.

Caso seja derramado algum líquido ou material sólido na superfície do tapete o mais indicado é ensopar um pano em um pouco de água e sabão, esfregar cuidadosamente para as fibras não absorverem demasiado líquido e posteriormente secar a zona afetada com um secador de cabelo. Também à venda no mercado existem alguns produtos para limpeza especifica de tapetes e carpetes de sisal, normalmente em pó, que oferecem uma limpeza rápida e eficaz das fibras naturais dos tapetes e carpetes de sisal.



3 Comentários

  1. Monica Abreu 19 de Abril de 2012
  2. Monica Abreu 19 de Abril de 2012
  3. Bruno Vinicius 25 de Junho de 2016

Deixe o seu comentário

Nome : Email :