Decoração com Tapetes Decoração com Tapetes e Carpetes Tipos de Tapetes

Tapetes feitos à mão

Os tapetes figuram entre os elementos decorativos mais versáteis para a casa e todos nós já estamos bastante familiarizados com a enorme variedade com que estão disponíveis no mercado, sendo quase impossível não encontrar, hoje em dia, um tapete que combine na perfeição com a decoração de um espaço.

Em termos gerais, existem duas formas com que os tapetes podem ser feitos: tapetes feitos à mão ou tapetes feitos através de uma máquina. Ambas as formas de fabricação são populares, existindo pessoas que preferem os que são feitos através do método mais artesanal em detrimento da forma mais industrializada. Esta escolha deve-se em grande parte ao facto dos tapetes feitos à mão terem um encanto especial e diferente acabamento que os tapetes feitos através de uma máquina.

Actualmente o processo manual de tecelagem de tapetes já não é tão frequente, dando lugar à confecção industrial e à sua produção em massa, embora não sejam tão duráveis e resistentes como os artesanais. Ainda é possível encontrar exemplares manuais antigos ou até mesmo artistas especializados que se dedicam à confecção tradicional de alguns tipos de tapetes, como é o caso dos tapetes orientais.

Embora exista uma enorme variedade de tapetes feitos à mão disponível no mercado, a verdade é que nem todos são iguais. Podem ser todos efectivamente feitos à mão, mas as técnicas utilizadas para os fazer podem ser bastante distintas. O preço também varia muito em relação aos materiais utilizados e à sua qualidade, sendo normalmente os tapetes mais duráveis e de materiais mais luxuosos os que o preço fica mais dispendioso. No entanto, um bonito tapete feito à mão deverá ser sempre encarado como um bom investimento para o futuro, pois quando feito usando as técnicas mais correctas e por mãos hábeis, torna-se num elemento decorativo que irá durar por muitos anos, por vezes até, podendo passar de geração em geração.

O seu preço mais elevado deve-se também ao facto de o fabrico de um tapete feito à mão, dependendo das suas dimensões, poder levar meses até estar concluído. Este pormenor é bastante diferente de um tapete feito à máquina, que em apenas algumas horas estará concluído e disponível para venda nas mais variadas lojas da especialidade e até em grandes superfícies de comércio. Enquanto que um tapete feito à mão é sempre único, pois apresenta diferenças conforme quem o faz, um tapete feito de modo industrial é igual a tantos outros, perdendo assim a sua originalidade.

Na hora da compra pode reconhecer se um tapete é artesanal ou industrial através de uma cuidada inspecção do seu verso. Caso consiga ver o padrão presente na parte de trás do tapete tão bem como na parte da frente, então o mais provável é que o tapete seja feito à mão. Outra forma de saber a origem do tapete é observar a sua textura. Muitas vezes os tapetes industriais levam um produto que mais se assemelha a cola plástica para firmar a pelagem. Ao puxar um fio dessa pelagem verifica-se que ele é exactamente do mesmo tamanho da altura da pelagem, isto é, não foi dado o nó. Para se conseguir dar o nós o fio tem que ter pelo menos o dobro do comprimento da pelagem.



1 comentário

  1. marlene 20 de Junho de 2012

Deixe o seu comentário

Nome : Email :